Páginas

sábado, 13 de agosto de 2022

“Vamos colocar Pernambuco de volta ao trabalho e criar mais de 600 mil empregos nos próximos quatro anos”, diz Anderson

 

Foto: Viliane Gomes

O deputado estadual Erick Lessa segue com uma agenda intensa de reuniões e atividades. Na quinta-feira (11), Lessa se reuniu com moradores do Bairro São Francisco, em Caruaru. Ele destacou o trabalho realizado ao longo do mandato.

“Para mim, é uma satisfação ver de perto o reconhecimento do nosso trabalho pelas pessoas. As famílias de Caruaru e região sabem que podem contar com nosso serviço, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida e o desenvolvimento regional”, declarou o parlamentar.

Ao mesmo tempo em que ampliou a atuação em outros municípios, Lessa manteve esforços em Caruaru, sua principal base. Ele foi reconhecido pela imprensa estadual como o parlamentar que mais destinou recursos para a Capital do Agreste, inclusive para equipamentos como o Hospital Regional do Agreste, UPAE Caruaru e Fusam. Lessa também articulou e viabilizou a construção da nova Delegacia da Mulher, equipou o laboratório de combate à lavagem de dinheiro e ao crime organizado e luta pela implementação do Centro Integrado da Criança e do Adolescente.

“Vamos colocar Pernambuco de volta ao trabalho e criar mais de 600 mil empregos nos próximos quatro anos”, diz Anderson

Foto: Hermes Costa Neto/Divulgação

O sucateamento da gestão pública e a falta de investimentos paralisaram Pernambuco. A observação foi feita pelo candidato do Partido Liberal (PL) ao Governo do Estado, Anderson Ferreira, nesta sexta-feira (12), ao analisar que, desde 2010, quando da implantação pela Petrobrás da Refinaria Abreu e Lima, da Petroquímica Suape e do Estaleiro Atlântico Sul, período em que houve uma crescente na geração de empregos, Pernambuco tem visto despencar os indicadores sociais ano após ano. Levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado em 2021, aponta o estado com a pior taxa de desemprego no Brasil.

Anderson apontou que os escândalos de corrupção do Partido dos Trabalhadores (PT) foram um dos principais fatores que levaram a quase zero o índice de investimentos em obras públicas no Brasil e em Pernambuco. “No nosso estado, a falta de capacidade de articulação da gestão do PSB junto ao Governo Federal isolou Pernambuco. Tivemos três presidentes à frente do Palácio do Planalto e o PSB não soube conversar com nenhum deles, e essa falta de diálogo transformou Pernambuco em uma ilha dentro do próprio Brasil”, disse.

O liberal afirmou que esse cenário irá mudar quando assumir, em 2023, o Palácio do Campo das Princesas. “Teremos uma nova onda de geração de empregos com os investimentos para duplicação da refinaria e as obras estaduais dos eixos da Transposição do Rio São Francisco. Inovaremos na política de atração de novos investimentos privados, nas Parcerias Público-Privadas (PPPs), apoiando os microempreendedores individuais e as micros e pequenas empresas, priorizando a interiorização dos investimentos”, continuou.

Anderson destacou ainda que é preciso ter foco e elencar prioridades, e citou a gestão à frente da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes como referência na entrega de resultados. “Queremos empregar mais de 600 mil pernambucanos nos próximos quatro anos e colocar o estado no caminho do bem. Vamos virar a chave. Foi isso que fizemos no Jaboatão, um município que foi destaque na categoria Geração de Empregos no ranking das Melhores Cidades do Brasil 2022 da revista IstoÉ, elaborado pela Austin Rating, assim como nos índices Qualidade de Vida, Capacidade de Arrecadação, Aplicação na Saúde e Educação, e Indicadores Fiscais. Já fizemos, mostramos que é possível e vamos fazer mais por Pernambuco”, pontuou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Pesquisa Ipec: Marília, 34%, Raquel, 15%, Miguel, 13%, Danilo, 13%, Anderson, 11%

  Pesquisa Ipec divulgada há pouco, encomendada pela Globo, mostra que Marília Arraes (Solidariedade) se manteve na liderança da disputa, co...

Matérias mais vistas