Páginas

quinta-feira, 1 de setembro de 2022

Para Danilo Cabral, Marília Arraes traiu o ex presidente Lula

 

Candidato a governador pela Frente Popular, Danilo Cabral acusou a postulante Marília Arraes de trair o ex-presidente Lula em diversos momentos ao se juntar ao Centrão, hoje alinhado ao presidente Jair Bolsonaro, manifestando posições contrárias ao líder petista e se beneficiando com o orçamento secreto. Em conversa com forças sindicais, na noite desta terça (30), Danilo destacou que a adversária, no Congresso Nacional, entrou em rota de colisão com o PT, como na votação da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, e de ter se juntado ao bloco de partidos para ter acesso a recursos das emendas de relator, de mais de R$ 850 milhões, segundo revelou este mês o jornal Valor Econômico. Marília e outros 16 candidatos que disputam eleições para governador este ano foram contemplados pela benesse patrocinada pelo Centrão.

“O que eu ouço sobre Marília é a traição dela ao PT na eleição para a Mesa Diretora, se juntando com a turma do Centrão para derrotar o candidato do PT, o candidato de Lula. Agora, novamente, eu vi ela se juntando novamente e está agarrada naquele Orçamento Secreto, que Lula disse que é safadeza”, cravou Danilo. “A candidatura de Marília não representa a verdade dos fatos, não representa o desejo de Lula e não representa aquilo que a gente representa, aqui, em Pernambuco. Eu quero debater com ela as minhas posições e as posições dela lá no Congresso. Mas, infelizmente, ela está se negando a debater”, reforçou o socialista.

Durante entrevista ao Jornal Nacional, na Rede Globo, semana passada, o ex-presidente Lula condenou a manobra liderada pelo Centrão. "Você acha que o mensalão é mais grave do que o orçamento secreto? O orçamento secreto é uma excrescência. É usurpação do poder”, afirmou o líder petista. Em outro momento, na comemoração dos 100 anos de fundação do PCdoB, o ex-presidente classificou o Orçamento Secretário como “a maior vergonha deste País”. “Se não fosse vergonha, não era secreto. Se é uma coisa honesta, digna, por que é que todo mundo não sabe? Se é secreto, tem safadeza”, atacou.

Candidata a senadora pela Frente Popular e ex-aliada de Marília, Teresa Leitão (PT) também condenou a existência do orçamento secreto articulado pelo Centrão. "Precisamos acabar com esse esquema do Centrão, que beneficia parlamentares bolsonaristas. Pernambuco e o Brasil merecem e exigem transparência e respeito ao dinheiro público. Eu me comprometo a lutar no Senado para acabar com o orçamento secreto de Arthur Lira e sua turma", afirmou a petista.



Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Justiça Eleitoral altera locais das secções do Teatro Municipal, AABB e Evany Patriota Cordeiro nas eleições deste ano

  Os eleitores santa-cruzenses que votam nas secções que fazem parte da Escola Evany Patriota Cordeiro (59, 60, 63, 68 e 72), na AABB (123, ...

Matérias mais vistas