Páginas

quinta-feira, 29 de dezembro de 2022

Série A1 do Pernambucano terá 13 clubes, com inclusão de Belo Jardim e Petrolina

 Informação foi confirmada pelo presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho


Taça do Pernambucano - Foto: Rafael Vieira/FPF

Em reunião realizada nesta quarta-feira (28), na sede da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), os clubes que participarão da Série A1 do Campeonato Pernambucano decidiram, por unanimidade, incluir Belo Jardim e Petrolina na elite estadual em 2023. Sendo assim, a competição passará de 12 para 13 equipes, com uma sempre folgando na rodada. A informação foi confirmada pelo presidente da entidade, Evandro Carvalho.

"Os clubes no Conselho Técnico resolveram não esperar o julgamento envolvendo Petrolina e Belo Jardim, que aconteceria em fevereiro do ano que vem. De forma unânime, eles optaram por colocar as duas equipes na Série A1. A fórmula da competição permaneça a mesma”, afirmou Evandro. Caso as agremiações não entrassem em consenso, o Estadual corria o risco de acontecer apenas após a decisão judicial, podendo também mudar o regulamento da disputa.

Entenda

O Petrolina foi denunciado e penalizado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por uma irregularidade de inscrição do lateral Raykar, utilizado na partida contra o Maguary, pela terceira fase da Série A2 da competição. Na ocasião, a Fera Sertaneja tinha perdido quatro pontos, situação que o tirava da classificação à elite estadual no ano seguinte, deixando o lugar anteriormente para o Belo Jardim.

Posteriormente, em novo imbróglio no STJD, o Petrolina foi absolvido, mas o Belo Jardim recorreu do caso, que teria novo julgamento. Além das duas equipes, o torneio terá Náutico, Santa Cruz, Sport, Salgueiro, Retrô, Caruaru City, Íbis, Maguary, Afogados, Central e Porto.

Regulamento

Na fase inicial, os 13 clubes se enfrentam entre si em jogos apenas de ida, com um sempre folgando na rodada. Os seis melhores avançam ao mata-mata, com os dois primeiros seguindo direto para as semifinais, enquanto os outros quatro se encontram nas quartas. Nos primeiros mata-matas, os confrontos são de jogo único. Na decisão, duelos de ida e volta. As quatro piores equipes são rebaixadas à Série A2.

Quanto às vagas na Copa do Brasil, a terceira destinada a Pernambuco será dada ao clube eliminado na semifinal que tiver a melhor campanha na primeira fase - as duas primeiras ficam com campeão e vice.

folhape

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Chacina em São João: bebê e outras quatro pessoas são assassinadas a tiros; outras sete ficam feridas

  Crime aconteceu na noite da quinta-feira (26) e foi motivado por 'rixa entre grupos ligados ao tráfico de drogas', segundo o gover...