Páginas

PROGRAMA A VOZ DA ZONA RURAL - PARA FM

terça-feira, 15 de agosto de 2023

Suspeito de matar namorado da ex-esposa em Campina Grande já tinha arrombado casa, feito família refém e devia pensão

 

O suspeito de assassinar o namorado da ex-esposa no último sábado (12), em Campina Grande, já tinha arrombado uma casa onde a mulher morou há dois anos, poucos meses após a separação, ameaçou ela de morte e fez a família refém. O homem é procurado por invadir o apartamento da ex-mulher e matar a tiros o atual namorado dela na frente dos dois filhos menores de idade.

“Eu sabia que ele tinha uma arma antes, mas depois de uma ocasião que teve ano passado, em fevereiro. Eu tinha separado dele em novembro de 2021. Tinha saído de casa e fui morar na casa de Lagoa Seca, atual casa que ele mora com a irmã e o cunhado. Fui pra lá, ele invadiu essa casa, fez todo mundo de refém, me deu coronhada… O tempo todo falando que ia me matar, o tempo todo dizendo que ia se matar também. Virou pro nosso filho de nove anos e disse: filho você tem que ser muito forte porque hoje você vai perder sua mãe e seu pai”, relatou Iris Mayara, durante entrevista à TV Arapuan. 

Ainda de acordo com Iris, o ex-marido, Adelson Anacleto, não pagava pensão alimentícia dos filhos há cerca de sete meses, mas sempre mantinha contato, na tentativa de. “Ele não paga a pensão das crianças desde janeiro. Eu entrei com processo de separação porque eu estava tentando evitar isso pra ser tudo de boa e não ter que agir pela justiça, que eu acho que é muito desgastante. Por mais que eu perdesse, mas que saísse tudo em paz, mas ele nunca quis, nunca. Mesmo quando eu falava: vamos agir de paz, cada um pro seu lado, mas ele sempre falava que não. Sempre tentava algum empecilho pra tentar me prender de alguma forma, não queria dar dinheiro”, afirmou. 

O suspeito invadiu o apartamento da ex-esposa, em Campina Grande, e efetuou vários disparos contra o atual namorado da dela, Jackson Andrade, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O crime aconteceu na frente dos filhos da mulher e do acusado. De acordo com a polícia, o homem, identificado como Adelson Anacleto, fugiu logo após assassinar a vítima. 

Ainda segundo a polícia, o suspeito não aceitava o fim do relacionamento e teria ameaçado a mulher e o namorado caso eles continuassem o romance.

ClickPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Mecânico é morto a tiros em plena luz do dia no bairro Boa Esperança, em Brejo da Madre de Deus

  Mais um crime de morte aconteceu no bairro Boa Esperança, em Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco. Nesta terça-feira, 23 de ab...