Páginas

PROGRAMA A VOZ DA ZONA RURAL - PARA FM

quinta-feira, 14 de março de 2024

Palmeiras Imperiais centenárias são retiradas do centro do Brejo da Madre de Deus devido ao risco de queda

 

As palmeiras imperiais estavam em avançado estado de apodrecimento

Duas majestosas palmeiras imperiais, símbolos icônicos que adornavam a paisagem ao lado da Igreja do Bom Conselho, no coração do Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco, tiveram que ser retiradas devido ao avançado estado de apodrecimento em seus troncos. A remoção das árvores foi realizada em uma operação conjunta entre as secretarias de agricultura e obras do município.

De acordo com informações das autoridades municipais, as palmeiras centenárias estavam infestadas por cupins, comprometendo severamente sua estrutura de suporte. O risco iminente de queda representava uma ameaça à segurança pública, especialmente considerando sua localização próxima a igreja, praça pública e pontos comerciais e residenciais.


O procedimento de remoção das palmeiras foi cuidadosamente planejado e executado, com a primeira árvore sendo retirada no início da noite de quarta-feira (13), e a segunda na manhã desta quinta-feira (14). O trabalho envolveu técnicas seguras para garantir que a queda das árvores fosse direcionada de forma controlada, minimizando o risco de danos adicionais.

Segundo a Secretaria de Agricultura do município, o problema que levou ao deterioramento das palmeiras foi exacerbado pelo uso inadequado das árvores como suporte para diversas estruturas temporárias, como lonas de bancas de feiras e parques de diversões. A prática de fixação de objetos nas palmeiras acabou causando danos significativos aos troncos, criando feridas que serviram como porta de entrada para fungos, bactérias e insetos nocivos.



Para evitar um vácuo na paisagem urbana e preservar a identidade visual do local, estão sendo planejados o plantio de novas palmeiras no mesmo local onde as antigas foram removidas. Este projeto visa não apenas restaurar a beleza estética do ambiente, mas também garantir a continuidade de uma tradição histórica que remonta a décadas.

Confira a nota da prefeitura sobre a retirada das palmeiras:

A prefeitura municipal, através da Secretaria de Agricultura e Departamento de Defesa Civil do Brejo da Madre de Deus, vem informar a população sobre a retiradas das 2 Palmeiras Imperiais do entorno da Igreja do Bom Conselho.

As espécimes, devido as condições fitossanitárias, ofereciam risco iminente de queda, o que causaria danos materiais e humanos incalculáveis.

Fomos acionados pela população através da Defesa Civil do município e prontamente a Secretaria de Agricultura emitiu laudo técnico para garantir a legalidade do processo. Tendo em vista a recente condição climática em nosso município com frequentes alertas de chuvas fortes e ventania, o processo de remoção foi acelerado e executado por profissionais.

A retirada ocorreu com segurança e sem danos materiais. Novas espécimes serão plantadas no mesmo local garantindo a beleza e riqueza histórica do nosso Brejo da Madre de Deus.


Fonte: Blog Estação Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Redução do IPVA resulta em economia de R$ 504 milhões para motoristas pernambucanos

  A redução da alíquota do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), apresentada pelo Governo Raquel Lyra, já resulta em u...