Páginas

PROGRAMA A VOZ DA ZONA RURAL - PARA FM

sábado, 20 de janeiro de 2024

Paraíba testa câmeras para uso em fardas policiais; Conselho do Ministério da Justiça aprova utilização de equipamentos

 

Em 2023, o governador João Azevêdo já defendia a instalação de câmeras nos fardamentos dos policiais. À época, o gestor afirmou que os dispositivos acoplados ao uniforme garantem a segurança de quem é abordado, mas também protegem os policiais que estarão resguardados caso sejam acusados de erros que não cometeram.
Na mesma ocasião, durante o evento de comemoração dos 191 anos da Polícia Militar, que aconteceu no Centro de Convenções de João Pessoa, o chefe do Executivo ressaltou que há alguns passos a serem seguidos pelos policiais antes de utilizar as câmeras.
Segundo ele, para a utilização dos equipamentos, é necessário, primeiro, que os policiais sejam submetidos a treinamento específico e que eles possuam certificados de preparação e tecnologia para o trabalho.
Resolução aprovada
O Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP), vinculado ao Ministério da Justiça, aprovou nesta sexta-feira (19) a resolução que estabelece normas para o uso de câmeras em fardas de policiais. A recomendação ainda será submetida ao ministro Flávio Dino, mas 
O texto aprovado traz recomendações gerais, como gravação, armazenamento das imagens e acesso a elas. Após publicada no DOU, a resolução poderá ser seguida pelas secretarias de segurança estaduais e do Distrito Federal.
Embora possa existir uma recomendação pelo governo federal sobre a instalação dos equipamentos — além de gravação de vídeos durante todo o expediente dos policiais e agentes —, a instalação, porém, não deverá ser obrigatória. Caberá a cada unidade decidir sobre a implementação do monitoramento.
O CNPCP é o conselho da sociedade civil, formado por juristas e especialistas na área, subordinado ao ministro Flávio Dino. Com a aprovação, a recomendação será submetida a Dino, que deve validar o documento e enviá-lo para publicação no Diário Oficial da União (DOU).
Reunião
Na quarta-feira (17), o CNPCP se reuniu para discutir e votar o assunto, mas não houve deliberação porque os conselheiros queriam mais tempo para discutir o tema e não havia consenso.
Independente da norma que deve ser publicada pelo ministro Dino, alguns estados brasileiros já utilizam câmeras corporais, como Santa Catarina e São Paulo. No Distrito Federal, a Polícia Militar está com processo em fase de licitação.
No âmbito federal, a Direção da Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que testes em câmeras começarão a ser realizados já na semana que vem, no Rio de Janeiro. A instituição quer que todo o efetivo use ao fim do processo. O governo também estuda a instalação do equipamento em uniformes da Polícia Penal Federal.
Com CNN Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Lero empossa novo secretário de Articulação Governamental de Taquaritinga do Norte

  O Prefeito de Taquaritinga do Norte, Ivanildo Mestre “Lero”, nomeou o novo Secretário de Articulação Governamental, Eberton Nunes de Souza...