Páginas

PROGRAMA A VOZ DA ZONA RURAL - PARA FM

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

Senado aprova fim da saidinha de presos; texto voltará à Câmara


O Senado aprovou, na terça-feira (20), o projeto que põe fim à chamada “saidinha” de presos em datas comemorativas. O texto voltará à Câmara porque houve mudanças na proposta. O projeto foi relatado pelo senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ).

O placar foi de 62 votos favoráveis e apenas dois contrários. Houve ainda um abstenção. 16 senadores estavam ausentes ou não votaram. Os senadores ainda vão analisar destaques ao texto.

Atualmente, a lei permite que presos que apresentarem bom comportamento no regime semiaberto deixem a prisão por um período de tempo determinado para visitar familiares nos feriados, participação em atividades que concorram para o retorno ao convívio social e frequentar cursos.

A proposta relatada por Flávio exclui as duas primeiras hipóteses. No Senado, Flavio Bolsonaro acolheu uma emenda ao projeto apresentada pelo senador Sergio Moro (União-PR) que altera o texto para permitir que presos saiam para frequentar cursos supletivos profissionalizantes, do ensino médio ou superior. A emenda também define que essa permissão não inclua presos condenados por “crime hediondo ou por crime praticado com violência ou grave ameaça à pessoa”.

O projeto tramita no Congresso há 14 anos e foi aprovado pela Câmara em 2022.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Mecânico é morto a tiros em plena luz do dia no bairro Boa Esperança, em Brejo da Madre de Deus

  Mais um crime de morte aconteceu no bairro Boa Esperança, em Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco. Nesta terça-feira, 23 de ab...