Páginas

sábado, 20 de outubro de 2018

Coluna do blog deste sábado

Mendonça Filho está credenciado a ocupar qualquer cargo no Brasil
Com uma experiência de mais de trinta anos de vida pública, tendo sido deputado estadual, federal, vice-governador, governador e ministro da Educação, Mendonça Filho também tem qualificação técnica para exercer qualquer função pública e privada no Brasil e fora dele. Mendonça além de ser graduado em administração, é especializado em gestão pública pela escola de negócios de Harvard, nos Estados Unidos.
A sua passagem pelo ministério da Educação foi o ápice da sua vida pública, uma vez que teve a oportunidade de imprimir um modelo de gestão capaz de recuperar não só a infraestrutura do ensino superior e técnico, com a construção de institutos federais e campus universitários, como também a reforma do ensino médio que trouxe avanços para a educação brasileira.
Mesmo enfrentando uma grande patrulha ideológica de seus opositores, uma vez que a área da educação é uma das mais esquerdistas do país, Mendonça saiu do MEC este ano para disputar as eleições com seu trabalho reconhecido por quem tem o mínimo de discernimento para enxergar os acertos sem o viés ideológico.
Com a provável vitória de Jair Bolsonaro no próximo dia 28, Mendonça Filho foi convidado pelo deputado federal e eventual ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, para apresentar as ações que foram implementadas ao longo da sua passagem pelo MEC. O encontro com Onyx deu margem para especulações de que Mendonça poderá assumir novamente o ministério da Educação num eventual governo Jair Bolsonaro.
Se porventura a especulação se tornar realidade, Jair Bolsonaro estará fazendo uma excelente escolha para o cargo, uma vez que é um grande desperdício que um gestor público do quilate de Mendonça Filho não seja aproveitado pelo governo federal, pois ele tem credenciais para ocupar qualquer cargo no país, e certamente será requisitado por instituições do mundo inteiro em caso de não ser confirmado na equipe de Jair Bolsonaro.
Líder – O senador Fernando Bezerra Coelho ficará com a incumbência de liderar a oposição em Pernambuco. Com mandato até 2023, o senador, que lidera o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, o deputado federal Fernando Filho e o deputado estadual Antônio Coelho, representa um grupo político robusto no estado e tem tudo para ser o principal opositor de Paulo Câmara pelos próximos quatro anos.
Hexa – Em Pernambuco, apenas o Clube Náutico Capibaribe pode se vangloriar de ser o maior campeão consecutivo no futebol. São seis títulos seguidos que permitiram o bordão Hexa é Luxo. Na política, além de Guilherme Uchoa que conseguiu seis mandatos consecutivos de presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, o senador eleito Jarbas Vasconcelos pode se vangloriar de ser o único político a vencer seis eleições majoritárias no estado.
André Ferreira – Ganha força nos bastidores a informação de que o deputado federal eleito André Ferreira poderá ser candidato a prefeito do Recife em 2020. Ele foi o quarto mais votado do Recife e o mais votado do grupo oposicionista liderado por Armando Monteiro tanto no estado quanto na capital. Os votos lhe credenciaram para a disputa municipal na capital pernambucana.
Desempenho – O PTB, partido do senador Armando Monteiro, sempre teve resultados expressivos sob sua liderança entre 2004 e 2016, porém nas eleições deste ano, a sigla teve um desempenho muito ruim na disputa proporcional, elegendo apenas dois estaduais, Álvaro Porto e Romero Sales Filho, e não elegendo nenhum representante para a Câmara dos Deputados.
RÁPIDAS
Recepção – Os deputados estaduais eleitos no dia 7 estão gradativamente realizando visitas à Assembleia Legislativa de Pernambuco, e são recebidos pelo presidente da Casa, Eriberto Medeiros. Os novatos João Paulo Costa e Fabrízio Ferraz estiveram com o presidente e ficaram impressionados com a atenção dispensada pelo comandante da Casa Joaquim Nabuco.
Força – Apesar de não ter elegido sua esposa deputada estadual, o Professor Lupércio conseguiu fazer com que ela ficasse como a segunda mais votada de Olinda. Claudia só não se elegeu porque perdeu votos para o fenômeno Gleide Ângelo. Lupércio mostrou que tem força e tem seu trabalho reconhecido pelos olindenses.
Inocente quer saber – A “bomba” da denúncia do WhatsApp para a campanha de Bolsonaro terá sido apenas um track de massa?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Cobrador de impostos foi assassinado e a esposa baleada em Caruaru

  Um homem foi assassinado e a esposa baleada na noite desta última terça-feira (29), na Rua Cajá na Vila do Aeroporto em Caruaru. O cobrado...

Matérias mais vistas