Páginas

sábado, 5 de maio de 2018

Coluna do blog deste sábado

Mendonça Filho mostra competitividade para o Senado 
O deputado federal Mendonça Filho apareceu com 11% das intenções de voto para governador na pesquisa Múltipla e com 11,3% para o Senado. Numa eventual e provável candidatura de Armando Monteiro a governador é extremamente factível a possibilidade de o eleitor que sinaliza votar em Mendonça migrar para Armando Monteiro na disputa pelo governo e o eleitor de Armando migrar para Mendonça na disputa pelo Senado.
Quando somadas as intenções de voto de Armando Monteiro e Mendonça Filho para o Senado, chega-se a 27,1% das intenções de voto, é natural que no decorrer da campanha esse voto dos dois case. Mas existe um segundo fator que pode acabar beneficiando Mendonça. Jarbas Vasconcelos, líder na pesquisa, tem 20% de intenção de voto, e há um sentimento por parte do eleitor de associação entre Jarbas e Mendonça, o que pode fazer com que Jarbas seja o segundo voto do eleitor de Mendonça e Mendonça seja o segundo voto do eleitor de Jarbas.
Na eleição de 1994 para o Senado, quando estavam em jogo duas vagas, o eleitor de Arraes votou em Roberto Freire, e acabou votando em Carlos Wilson, que anos antes tinha sido vice de Arraes e herdou o governo dele. Isso pode acabar se repetindo em 2018, até porque caso se confirme a entrada de Humberto Costa para o Senado na Frente Popular, é pouquíssimo provável que a maioria do eleitor case o voto de Jarbas e Humberto, devido o antagonismo dessas duas lideranças políticas em todas as eleições.
Além dos números da quantitativa, existem pesquisas qualitativas identificando que Mendonça Filho é visto como competente, experiente, preparado, etc. Adjetivos que numa eleição difícil como a que estamos a presenciar são um alento para qualquer político. Apesar de ter sido ministro de Temer, a impopularidade do presidente curiosamente não respingou em Mendonça numa eventual disputa por uma cadeira do Senado.
Mendonça Filho tem uma eleição encaminhada para deputado federal, mas se for candidato a senador terá plenas condições de alcançar o mandato porque além do voto casado com Jarbas, também poderá ser beneficiado pelo antipetismo de parte da população que ainda é forte, sobretudo na Metropolitana onde concentra o maior eleitorado. De todas as majoritárias que Mendonça disputou, caso ele entre para o Senado, entrará na disputa com a melhor condição de vitória em relação a 2006, 2008 e 2012.
Apoio – O pré-candidato a senador pela Rede Sustentabilidade, Antonio Souza, participa neste sábado do seminário nacional do PPL. O evento terá a veiculação do documentário que fala sobre a trajetória do senatoriável e servirá para oficializar o apoio do PPL a sua pré-candidatura ao Senado Federal. O seminário ocorrerá a partir das 10 horas da manhã no auditório da Associação Pernambucana dos Servidores do Estado.
Vice – O nome do deputado federal Daniel Coelho vem ganhando muita força para ser o vice na chapa de Armando Monteiro, que está caminhando para ser o candidato da oposição a governador. Daniel fortaleceria a chapa na Região Metropolitana do Recife e ficaria responsável por agregar novos apoios ao projeto do petebista.
Expectativa – A base do governador Paulo Câmara espera ansiosamente o anúncio oficial do secretariado com as alterações que serão realizadas, sobretudo as que garantirão a entrada do PSC no primeiro escalão, e os espaços destinados a PP, PR, Solidariedade e o PT caso se confirme a entrada do partido na Frente Popular.
Lembrança – O deputado federal Bruno Araújo relembrou que o PSB foi fundamental para a consumação do impeachment de Dilma Rousseff e que tanto o governador Paulo Câmara quanto o prefeito do Recife Geraldo Julio apoiaram a destituição da ex-presidente em 2016. O tucano, que foi ministro de Temer, criticou a postura do PSB de querer o apoio do PT e classificou de oportunismo.
Defesa – O pré-candidato a deputado federal pelo PPS André Carvalho, que é evangélico, defendeu as candidaturas de Michelle Collins e André Ferreira ao Senado Federal em outubro. Ele acredita que há espaço para o segmento emplacar dois senadores devido o voto casado. Tanto André Ferreira quanto Michelle Collins estão na base do governador Paulo Câmara, enquanto André Carvalho está na sustentação da candidatura de Armando Monteiro, pela oposição.
RÁPIDAS
Presentes – O prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, durante o aniversário de 425 anos da cidade, anunciou a reativação do posto do INSS em Jaboatão Centro, doze motos para reforçar a fiscalização nos postos de saúde e nas escolas e um acordo de cooperação técnica com o SESI para a reestruturação do Cineteatro Samuel Campelo.
Camaragibe – O prefeito Demóstenes Meira além de fazer uma gestão exitosa no município e comemorar a inauguração do Shopping Camará, esteve novamente em Brasília para atrair novos recursos para a cidade, sobretudo após a queda do FPM que tem prejudicado os prefeitos de todo o Brasil. Mesmo com os desafios, Meira tem conseguido fazer mais com menos na cidade.
Inocente quer saber – Humberto Costa será o porta-voz do anúncio oficial de que o PT rifou a candidatura de Marília Arraes?

Do Edmar Lyra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe realiza Leilão Municipal na próxima semana

  A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, em parceria com a Agência de Leilões Freire, realizará na próxima terça-feira (6), o primeiro Le...

Matérias mais vistas